Detentos fogem de prisão e nove morrem durante confronto com polícia em TO

Uma professora foi feita refém momentos antes da fuga

Dez dos 20 detentos que fugiram, na tarde desta terça-feira (2), do presídio Barra da Grota, em Araguaína (TO), foram mortos durante confronto com a polícia. A fuga aconteceu depois de uma rebelião na unidade prisional. Uma professora foi feita refém no momento do motim.

Além da educadora, agentes penitenciários também foram rendidos. Pelo menos dois deles foram levados ao hospital com ferimentos. A identidade das vítimas ainda não foi divulgada pelas autoridades. O tumulto começou dentro da sala de aula da unidade.

“Uma outra operação está em curso para garantir a recaptura dos fugitivos, que estão cercados em uma área verde. Uma equipe está negociando a rendição dos fugitivos e liberação dos reféns”, informou a Secretaria de Cidadania e Justiça, por meio de nota.

João Alberto

Jornalista: DRT 0008505/DF. Radialista, Escritor e Poeta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *