Vereadores de Águas Lindas abandonam candidato de Hildo e apoiam Zé da Imperial

A primeira semana de Setembro foi decisiva para as candidaturas de Zé da Imperial e Luis de Aquino a Deputados estaduais por Goiás. Luís de Aquino perdeu no mínimo seis vereadores da base do Governo Hildo do Candango, que passaram a apoiar a candidatura do colega Zé da Imperial.

No propósito de se eleger pelo menos um deputado estadual do município, os vereadores se dividiam entre os dois principais candidatos da Cidade. Zé da Imperial que acompanha o Senador Ronaldo Caiado (DEM), líder nas intenções de votos ao Governo e Luís de Aquino, que saiu com o apoio do Governo Hildo (PTB), e tem como candidato José Eliton, do grupo de Marconi Perillo.

O apoio à Luis de Aquino começou a ruir quando a dobradinha foi fechada com o Deputado Federal Jovair Arantes (PTB), que vem a reeleição. O Presidente da Câmara, Rogemberg Barbosa, que renunciou a sua candidatura para apoiar Aquino, foi um dos que se sentiu traído, devido seu compromisso com outro Deputado federal que vem também à reeleição, o João Campos (PRB).

Isso acordou a base aliada de Hildo do Candango, que perceberam que o prefeito e seu partido buscam uma hegemonia política em Águas Lindas em torno do grupo do PTB, sem dar espaço aos outros partidos da base aliada que sustenta Hildo no poder.

Sai ganhando o Zé da Imperial, que agora conta com o apoio declarado de mais seis vereadores que migraram da campanha de Aquino para a sua. Além de Rogemberg Barbosa, embarcaram na campanha do Zé da Imperial os vereadores Aderson da Modele, Aloísio da Artec, Evandro do raínha da paz, J. Barros e Jacó do esperança.

Já estavam com Zé da Imperial os vereadores Oliveira Júnior, Tim da madeireira e Prof. Ulisses.

João Alberto

Jornalista: DRT 0008505/DF. Radialista, Escritor e Poeta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *